Sábado, 17 de Agosto de 2019
Paraiba

Associação cultural de Juripiranga promove festival de música e estabelece censura

Publicada em 09/08/19 às 11:58h - 28 visualizações

por Tribuna do Vale


Compartilhe
   

Link da Notícia:

A Associação Cultural de Juripiranga lançou edital para inscrição de artistas amadores da região no “Show de Talentos 2019”, festival que acontecerá a partir de setembro reunindo músicos, intérpretes e bailarinos. No edital, a Associação esclarece que “não serão permitidas, em nenhuma hipótese, músicas de duplo sentido, pornografias, atos obscenos ou menção a crianças e adolescentes como ‘novinhos e novinhas”.
O festival tem apoio da Secretaria de Turismo, Cultura e Desportos de Juripiranga e programa aulas de canto e dança “obrigatórias” para todos os candidatos inscritos.
A Associação Cultural de Juripiranga foi fundada em 2008, tendo como base grupos de dança como o “Studio X” e a quadrilha junina Macambira. O criador da entidade, Odair José, informa que a Associação recebeu título de Reconhecimento de Utilidade Pública Municipal da Câmara de Vereadores.
ODAIR JOSÉ E A CENSURA

Em 1973, o governo militar vetou a música "Uma vida só" (Pare de tomar a pílula), do ídolo brega Odair José. A letra não pregava a resistência contra a ditadura, não falava de qualquer herói esquerdista. A culpa foi do refrão: "pare de tomar a pílula, porque ela não deixa o nosso filho nascer, pare de tomar a pílula pois ela não deixa sua barriga crescer." O governo patrocinava uma campanha nacional de controle da natalidade na época. Não tolerou, então, o sucesso daquela canção que era "pró-vida".



ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário






Nosso Whatsapp

 (83) 981337008

Copyright (c) 2019 - Rádio Portal da Serra